A Origem


                                             ‘A Origem’ 


inception1

Eu fico sem palavras pra descrever esse filme, eu achei o máximo, a idéias de entrar nos sonhos das pessoas, controlar esse sonho, um filme diferente de tudo que eu já havia visto, fantástico!

inception3
Lí enclusive na coluna do Zeca Camargo que ele escreveu sobre o filme:
"Pode ser só uma primeira impressão, mas acho que entendi sim. Mas também fui preparado para o cinema! Depois de tudo que já tinha lido – boa parte das críticas da imprensa americana – sabia que “A origem” não era exatamente uma história linear....
...Os efeitos visuais eram sim impressionantes (estão, claro, todos lá no filme), mas havia ali uma promessa maior: a de que você assistiria a uma obra realmente interessante e desafiadora. O assunto era o universo dos sonhos – o que em si, já era animador. A possibilidade de explorá-los então era por demais tentadora…
...Isso permite que, primeiro, “A origem” seja sim uma obra-prima – se não de maneira geral, pelo menos na edição: os minutos finais do filme, na minha modesta opinião, já entraram para a história das artes cinematográficas! Depois, esse “sincronia maluca” é uma bela variantes das sofisticadas narrativa que Nolan gosta de oferecer – o que só pode dar muito prazer a quem, como já citei, quer sair de uma sessão de cinema mais (e não menos) esperto!..."
Entre os filmes mais aguardados do ano, A Origem chega aos cinemas brasileiros.

inception2
Estrelado por Leonardo DiCaprio (Ilha do Medo) e Ellen Page (Juno), tem direção e roteiro de Christopher Nolan.
Na trama, conhecemos Dom Cobb (Leonardo DiCaprio), um gênio na arte de roubar. Mas Cobb não é um ladrão comum – seu alvo não são carros, joias, dinheiro ou artigos de luxo – são os segredos. Através da imersão no subconsciente de seus alvos, o fugitivo se aproveita do momento mais vulnerável da mente: os sonhos.
Christopher Nolan, que acumula os cargos de diretor, roteirista e produtor no lançamento, se dedica à criação desse mundo alternativo há quase dez anos. O resultado é um clima eletrizante de ação em uma jornada na profundidade da emoção humana.

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial